HOME SOCIEDADE
AEBA anuncia INO.BA+ para fortalecer empresas do Baixo Ave

O projeto INO.BA acaba de entrar numa nova fase.
A ação coletiva, apoiada pelo NORTE 2020, visa construir e promover uma maior sustentabilidade e resiliência do ecossistema de inovação empresarial do Baixo Ave, através de ações concretas de criação e ativação de uma marca coletiva e de iniciativas de diplomacia económica da Região.


Através do INO.BA+, a Associação Empresarial do Baixo Ave (AEBA) vai criar e disponibilizar às PME’s e empresários da sua área geográfica, centros de conhecimento e de I&D+i, investidores e financiadores nacionais e internacionais, órgãos da administração pública, meios de comunicação social e líderes de opinião, entre outros, um conjunto de iniciativas dinamizadoras do ambiente de inovação, além daquelas que já estão em curso, como, por exemplo, workshops, seminários, encontros de negócios, meetings, apresentação de estudos de caso e benchmarking, grupos de trabalho e reflexão sobre inovação, etc.


Na prática, o INO.BA+ passa pela criação e ativação de uma marca coletiva, mapeamento de oportunidades de inovação setorial, desenvolvimento de uma plataforma colaborativa de intelligence e capacitação para a inovação, sustentabilidade e resiliência no Baixo Ave, e, ainda, ações de informação, sensibilização e networking.


Ou seja, uma forma de promover, comunicar e disseminar resultados decisivos para a área da inovação empresarial da Região. Trata-se de informação relevante, disponível e capaz de qualificar as cadeias de valor existentes ou a explorar no Baixo Ave.
O INO.BA+ vai permitir aumentar os níveis de comunicação, organização, articulação e integração das empresas do território, além de gerar maiores níveis de notoriedade económica e promover ofertas inovadoras do território no exterior (dentro e fora de Portugal).

Recorde-se que o projeto INO.BA+ é apoiado pelo NORTE 2020, na medida SIAC – Sistema de Apoio às Ações Coletivas – Tipologia Qualificação. Pretende dar continuidade ao projeto INO.BA, consolidando, deste modo, o processo de ativação e mobilização do ecossistema de inovação empresarial do Baixo Ave que se encontra em curso.
A AEBA é uma associação de direito privado, sem fins lucrativos, fundada no dia de 12 de abril de 2000 e reconhecida como entidade de Utilidade Pública, por despacho publicado em Diário da República, em 26 de junho de 2012.
Trata-se de um projeto associativo que visa criar uma estrutura capaz de apoiar e representar as empresas e os empresários de todos os setores de atividade, oriundos da região denominada de Baixo Ave, abrangendo sobretudo os concelhos da Trofa, Santo Tirso, Vila Nova de Famalicão, Maia e Vila do Conde.

Comentários