HOME Atualidade
PSD/Santo Tirso apresentou propostas para Grandes Opções do Plano e Orçamento

A Comissão Política do PSD de Santo Tirso, apresentou ao abrigo do Estatuto do Direito de Oposição, algumas propostas e iniciativas para o concelho

  • Conclusão da construção da rede pública de abastecimento de água e saneamento;
  • Aplicação da isenção do pagamento de tarifas fixas dos sistemas de abastecimento de água, saneamento de águas residuais e de resíduos urbanos a todos os consumidores domésticos, com efeitos imediatos;
  • Renegociação do contrato de abastecimento de água, com uma redução efetiva de cerca de 20% para os munícipes;
  • Criação de vias cicláveis e pedonais , nomeadamente da fronteira de Riba D´Ave até Caniços (pela margem do Rio Ave pertencente ao nosso município), bem como na margem do Rio Vizela até Vila Nova do Campo;
  • Promoção do “Caminho de São Rosendo”, como forma de dar a conhecer os monumentos, gastronomia e cultura local;
  • Criação de novas zonas de estacionamento gratuito, bem como a requalificação das zonas de estacionamento já existentes;
  • Requalificação do espaço da feira semanal;
  • Execução do projeto para o Cine Teatro de Santo Tirso;
  • Construção de infraestruturas de energias renováveis em escolas e edifícios públicos instalados no nosso município, contribuindo para uma maior eficiência energética;
  • Aumento da capacidade de ocupação do canil/gatil municipal;
  • Campanhas de sensibilização para adoção dos animais abandonados, com incentivos à adoção;
  • Alargamento do período de funcionamento do “Programa Mimar” ao mês de Julho;
  • Aumento da abrangência das condições de acesso ao Plano Municipal de Emergência Social, dado o acréscimo de famílias que viram os seus rendimentos drasticamente diminuídos com a Pandemia da COVID 19;
  • Distribuição, em parceria com as Juntas de Freguesia, de máscaras de proteção, a todos os agregados familiares.
  • Implementação de uma campanha de marketing digital, apelando aos nossos munícipes, nas suas freguesias, bem como na sede do concelho para que privilegiem as compras no comércio local, por forma a ajudar à recuperação económica e à manutenção dos postos de trabalho.
  • Isenção do pagamento das taxas de publicidade de esplanadas e de ruído dos estabelecimentos comerciais de restauração;
  • Isenção do pagamento de estacionamento aos proprietários de estabelecimentos comerciais, bem como aos seus funcionários;
  • Criação de um Fundo de Emergência Municipal, com uma dotação financeira a definir, destinado às microempresas e ao comércio local.
  • Reforço do apoio às IPSS, com estruturas residenciais, quer para fazer face à despesa corrente com a COVID-19, quer para o investimento prioritário, que deixou de ser efetuado em virtude da ocorrência da pandemia.

Comentários