HOME Cultura
Vila das Aves celebrou padroeiro S. Miguel Arcanjo

De 26 a 29 de setembro, Vila das Aves esteve em festa, celebrando o seu Padroeiro São Miguel Arcanjo. Umas festividades meramente de cariz religioso, que tiveram o seu ponto alto na Grandiosa Procissão, que mais uma vez percorreu as principais artérias da vila, perante uma grande moldura humana.

As celebrações iniciaram-se no dia 26, um dia dedicado a confissões, primeiro na Igreja Matriz, entre as 9:30 é as 11:00, meia hora depois no Lar Familiar da Tranquilidade. Às 17 horas houve eucaristia e depois confições ate às 19 horas.

O dia seguinte, sexta feira, iniciou-se com fogo de artifício. Às 19 horas nova eucaristia, seguida da abertura do Sagrado Lausperene.

O dia 28 sábado, começou com uma missa às 7:30. Meia hora depois reabertura do Sagrado Lausperene e entrada da Associação Cultural Popular de Bombos e Concertinas”Os Cordovenses”, que percorreram as ruas da vila. Pelas 19 horas, deu-se o encerramento do Sagrado Lausperene e Missa Solene cantada pelo Grupo Coral de Vila das Aves. Depois foi tempo das atuações do Grupo Etnográfico de Vila das Aves e também da ARVA-Associação de Reformados de Vila das Aves.

No domingo, dia de São Miguel Arcanjo e o último destas celebrações, as 08:00 entrou em cena a Banda Musical da Lixa, que percorreu em marcha as ruas até às Igreja Matriz, onde presenteou com um pequeno concerto. Às 8:30 foi tempo de Missa na igreja matriz. Pelas 11:15 houve nova eucaristia, cantada pelo Grupo Coral de Vila das Aves, e depois celebração comunitária de batismos.

À tarde, a Banda de Música de Riba D’ Ave abriu as hostilidades pelas 14 horas, um hora depois foi tempo da oração da tarde, seguindo-se a Magestosa Procissão com dezenas de andores, tendo como itenerário, Igreja, Largo da Tojela, Rua D. Eva, Rua João Bento Padilha, Rua da Visitação, Rua de São Miguel, terminando na igreja.

Às festividades prosseguiram com o aguardado despique entre as bandas de música, fogo de artifício e finalmente com eucaristia.

Estas celebrações tiveram o apoio a Câmara Municipal de Santo Tirso, Junta de Freguesia de Vila das Aves, comércio, indústria e população local.

Comentários