HOME Cultura
Festival “Danças do mundo” de volta a Santo Tirso

EDIÇÃO DESTE ANO CONTA COM NOVE GRUPOS DE DANÇA DE VÁRIOS CANTOS DO MUNDO

É um dos maiores Festivais Internacionais de Folclore do Norte do país e está de regresso a Santo Tirso na noite de domingo, 21 de julho, pelas 21h30, com atuações de grupos de todo o mundo.

No total, são nove grupos de países como México, Bolívia, Sérvia, Croácia, Buriácia, Peru e Quénia que se juntam aos dois representantes nacionais na Praça 25 de Abril, para celebrar a dança enquanto expressão artística representativa da cultura dos povos.

“É uma iniciativa que, de ano para ano, tem ganho cada vez mais espectadores. Pela grande qualidade a que nos tem habituado, ganhou um público fiel que vem até Santo Tirso descobrir as tradições da dança de diferentes geografias”, explica o presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Alberto Costa.

A representação nacional ficará a cargo do Rancho Folclórico de Santa Eulália de Lamelas e do Grupo Folclórico de Santo André de Sobrado e entre os vários participantes estarão o   Danzart Bolivia, da Bolívia e o Folk Ensemble “Preporod” Dugo Selo, da Croácia. Da Buriácia chega o grupo Altan Bulag, do México, o Ballet Folklóorico de la Universidad Autonoma de Coahuila e do Peru, o Identidad Peru Taller de Danzas. Quénia e Sérvia encerram o leque de participações com atuações dos grupos Nairobi Dancers e Kud “Ljubomir Ivanovich – Gedza”, respetivamente.

Ao todo serão, aproximadamente, 280 os intérpretes a subir ao palco, entre bailarinos, cantores e instrumentistas. Meia hora antes do arranque do festival, os diferentes grupos participantes desfilam pelas principais artérias da cidade rumo à Praça 25 de Abril, onde, pelas 21h30,  darão a conhecer as suas tradições através da música, da dança e dos cantares.

O Festival tem organização da Casa da Gaia (Centro de Cultura, Desporto e Recreio de Argoncilhe) em parceria com a Câmara Municipal de Santo Tirso. A entrada é gratuita.

Comentários