HOME Desporto
Filipe Teixeira e António Campos estiveram imperiais no Rali de Santo Tirso
Imagem: Município de Santo Tirso

Maio 05/2024

A dupla Filipe Teixeira / António Campos cilindrou a concorrência na edição de 2024 do Rali de Santo Tirso, a terceira prova do Campeonato Start Norte de Ralis numa organização do Clube Automóvel de Santo Tirso com o apoio da Câmara Municipal de Santo Tirso.

As condições climatéricas instáveis foram a maior dificuldade de todas as equipas presentes, com os tempos muitas vezes a refletirem o grande peso que as escolhas de pneus tiveram nas prestações, mas também com percalços causados pelos pisos traiçoeiros dos troços competitivos.

Na super-especial de 6ª feira Marco Oliveira e Ricardo Sousa impuseram o VW Polo N5 com enorme autoridade. Durante a manhã de Sábado Jorge Santos / Vitor Hugo conseguiram chegar à liderança apesar de um pião na terceira classificativa, Marco Oliveira e Ricardo Sousa chegaram a Santo Tirso para a pausa de almoço com o VW Polo N5 a apenas 0,9s dos líderes e também com um pião “no bolso”. Filipe Teixeira e António Campos colocavam o Peugeot 208 R2 no 3º posto a 6,9s depois de terem passado pela liderança ainda durante a manhã numa prestação notável dada a inferioridade técnica do seu carro face aos adversários que tinham à frente. A luta prometia para a parte da tarde.

Logo na primeira passagem por Guimarei / Serra Jorge Santos faz outro pião e deixa Marco Oliveira isolado na frente, mas seria sol de “pouca dura” porque os homens do VW Polo desistiriam no troço seguinte com uma saída de estrada. Esse troço – a primeira passagem por “Serra da Agrela” – seria fatal também para Fernando Teotónio e Luís Morgadinho (estavam no 6º lugar) que acabavam com o Mitsubishi Lancer Evo IX fora de estrada. Ainda nesse troço José Gil / Ivo Machado, que eram até então a melhor dupla tirsense no 13º lugar, viam o Ford Escort RS MKI recusar-se a colaborar. Com estes acontecimentos Filipe Teixeira / António Campos ficavam na liderança com 17 segundos de vantagem e apenas dois troços por disputar.

A segunda ronda pelos troços da tarde não trouxe novidades nos lugares da frente, com a dupla do Peugeot 208 R2 a conseguir o triunfo à geral, triunfo no Campeonato Start e ainda no Campeonato Start de duas rodas motrizes, uma vitória em toda a linha que lhes permitiu dilatar ainda mais a liderança nos dois campeonatos. Jorge Santos / Vitor Hugo conseguiram o 2º posto na estreia do Citroen C3 Rally2 a 26,9s da frente mas sem pontuar para o campeonato dado o facto do C3 Rally2 não ser elegível para tal. O açoriano Rui Borges navegado por Fábio Reis num Citroen C3 N5 completou o pódio da geral.

Gaspar Pinto e Bernardo Gusmão no Mitsubishi Lancer Evo VIII posicionaram-se no 4º lugar e Mário Castro / Ricardo Cunha aproveitaram bem os troços molhados para conseguir levar o Ford Fiesta Ecoboost ao 5ºlugar da geral a que correspondeu o 2º posto entre os carros de duas rodas motrizes.

No que respeita aos pilotos do concelho de Santo Tirso Rui Marçal de Lima navegado por Margarida Allen Gouveia conseguiu levar o Opel Adam ao 12º lugar da geral, ao passo que João Andrade navegado por Pedro Santana ficou a apenas 3,6s com o Peugeot 208 Rally4. Curiosamente Andrade ultrapassou no último troço outra dupla Tirsense – Hélder Martins navegado pela sua filha Carolina Martins de apenas 16 anos. Por sua vez a irmã desta – Carina Martins – navegou Parcídio Sumavielle ao 9º lugar da geral. Para Rui Marçal de Lima foi a estreia em ralis com uma excelente prestação, ao passo que para João Andrade uma saída de estrada logo ao início da manhã lavou-o a perder mais de dois minutos impedindo-o de lutar por uma posição no pódio da geral.

Ao longo dos últimos anos, o JORNAL O CORDOVENSE, tem conquistado cada vez mais leitores.
Nunca quisemos limitar o acesso aos nossos conteúdos, ao contrário do que fazem outros órgãos de comunicação, e mantivemos sempre todas as notícias, reportagens e entrevistas abertas para que todos as pudessem ler.
Mas precisamos do seu apoio. Para que possamos, diariamente, continuar a oferecer-lhe a melhor informação, assim como para podermos fazer mais reportagens e entrevistas do seu interesse.
O JORNAL O CORDOVENSE é um órgão de comunicação social independente e isento. E acreditamos que para que possamos continuar o nosso caminho, que tem sido de sucesso e de reconhecimento, é importante que nos possa ajudar neste caminho que iniciámos há dez anos.
Desta forma, por tão pouco, com apenas 1€, pode apoiar o JORNAL O CORDOVENSE. MBWAY – 919954029 NIB – 0010 0000 4687 7240 0016 5

Comentários