Atualidade
PCP/Santo Tirso considera prioritária a recuperação do piso do Largo da Feira

Ao abrigo do Estatuto do Direito de Oposição que o actual bem como o anterior Executivo Camarário têm vindo a concretizar, a Comissão Concelhia de Santo Tirso do Partido Comunista Português, através dos seus representantes José Alberto Ribeiro, Maria Augusta Carvalho e Rodrigo Azevedo, foi recebida pelo Presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso.

A reunião teve como objectivo a apresentação de propostas que, segundo o PCP, devem ser tidas em consideração na elaboração do Orçamento para o ano de 2019, propostas essas constantes dos anteriores programas municipais da CDU e ainda não efectivadas e que a seguir se discriminam:

Água e Saneamento:

Considera o PCP que, pesar de se terem verificado alguns avanços no abastecimento de água da rede pública ao domicílio bem como na rede de saneamento básico, o concelho de Santo Tirso se encontra ainda abaixo da média nacional, pelo que entende dever ser dada a esta questão prioridade.

Infraestruturas:

Como há muito o PCP tem vindo a reclamar, consideramos necessária a construção de uma passagem desnivelada na ponte de Frádegas, obra que consideramos essencial não só pelas vantagens que traria na fluidez do trânsito, mas também como inibidora de acidentes que com frequência na zona referida ocorrem

Considera o PCP como necessárias pequenas intervenções em estradas e caminhos no concelho, de que refere, em particular, um buraco na rua da Ribeira em Roriz, há cerca de 2 meses sem ser reparado, bem como intervenção nas estradas que ligam S. Mamede a S. Salvador e Santo Tirso a Sequeirô.

Transportes e acessibilidades:

É nosso entendimento que a ligação de S. Mamede e S. Salvador à sede do concelho continua por resolver causando transtornos sérios à população destas freguesias, pelo que insistimos na sua concretização,

Outras intervenções que entendemos como necessárias:

Intervenção nas estações da CP em Santo Tirso e Vila das Aves, com aspecto nada dignificante a que urge pôr termo.

Considera o PCP de urgentíssima prioridade uma intervenção no largo da feira, cujo piso, de tal forma degradado, tem com frequência provocado diversos acidentes com quedas. Referimos ainda, como necessária, a manutenção de passeios pedonais, muitos em estado de degradação a originar quedas frequentes.

Por último entendemos ser necessário continuar a pugnar para que o passe intermodal seja extensivo à população do concelho de Santo Tirso que tem muito da sua vida ligada ao Porto.

Santo Tirso, 01 de Outubro de 2018

A Comissão Concelhia de Santo Tirso do PCP

 

 

 

 

Comentários