Atualidade
Câmara de Santo Tirso lança Conselho Empresarial Estratégico

A Fábrica de Santo Thyrso acolheu, na passada sexta-feira, a Gala INVEST Santo Tirso. O evento teve como mote a celebração do terceiro aniversário do Gabinete de Dinamização Económica, no qual a Câmara Municipal homenageou as empresas distinguidas como PME Líder e Excelência pelo IAPMEI, bem como as que receberam o estatuto de Projeto de Interesse Municipal. Na sua intervenção, o Presidente da Câmara de Santo Tirso, Joaquim Couto, anunciou a criação do Conselho Empresarial Estratégico, órgão consultivo composto por empresários do município e entidades parceiras.

“Queremos ouvir o pequeno, médio e grande empresário”, explicou Joaquim Couto, a respeito do lançamento do Conselho Empresarial Estratégico do Município de Santo Tirso. Este organismo tem caráter consultivo e nasce com o objetivo de “auscultar as necessidades das empresas e adaptar as políticas públicas a estas”, pretendendo incluir instituições, empresários, unidades de ensino e parceiros considerados fundamentais para o desenvolvimento económico do concelho.

Como homenagem a um dos maiores empresários do Município, Joaquim Couto galardoou o Comendador Machado Ferreira, fundador e presidente do conselho de administração da Intraplás, como 1º Conselheiro Empresarial Estratégico do Município de Santo Tirso. A empresa, uma das maiores do país no setor dos polímeros, celebra 50 anos de atividade e conta com um volume de negócios superior a 110 milhões de euros e exportação para mais de 20 mercados.

No evento, o Município de Santo Tirso entregou os votos de louvor às empresas do concelho distinguidas como PME Líder e PME Excelência pelo IAPMEI, no ano de 2017. No total, foram 53 PME Líder e 19 PME Excelência, o valor mais alto de sempre em Santo Tirso. Números que refletem o crescimento económico do Município, impulsionado pelas mais de 1000 empresas criadas nos últimos cinco anos, e visível no crescimento de 30 por cento do volume de exportações, na redução de 59 por cento da taxa de desemprego e na subida acentuada do poder de compra concelhio.

Foram ainda distinguidas as empresas que receberam o estatuto de “Projeto de Interesse Municipal”. No total, foram já perto de 30, entre as quais multinacionais alemãs, francesas e espanholas, as que beneficiaram deste estatuto, que lhes garante acesso a um corredor verde de aceleração e desburocratização de processos e a incentivos fiscais ao nível dos impostos, taxas e licenças. No total, estas empresas já representaram um investimento superior a 160 milhões de euros e criaram mais de 600 postos de trabalho. O Município de Santo Tirso já abdicou de mais de 10 milhões de euros a favor das empresas e das famílias.

PUB.

 

Comentários