Cultura
Câmara promove exposição sobre a 1ª Guerra Mundial

PORTUGAL E A GRANDE GUERRA  ESTÁ PATENTE ATÉ 11 DE NOVEMBRO

O presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Joaquim Couto, inaugurou, na última sexta-feira, a exposição Portugal e a Grande Guerra. Para ver no átrio da Câmara Municipal até dia 11 de novembro.

A Câmara Municipal de Santo Tirso associa-se às comemorações do centenário do final da primeira guerra mundial, com uma exposição que pretende recordar e sublinhar o impacto que este grande conflito à escala mundial teve no país.

A exposição, promovida pela Assembleia da República, é resultado de um trabalho de pesquisa efetuado pelo Instituto de Histórica Contemporânea (FCSH-UNL). No entanto, o Município de Santo Tirso quis ir mais longe, complementando a exposição original com um apurado trabalho de investigação histórica sobre a participação dos militares tirsenses no esforço de guerra.

“Não poderíamos deixar passar em branco este momento de evocação do fim da primeira Guerra Mundial e entendemos que este seria também o momento oportuno para render homenagem aos militares de Santo Tirso que participaram neste conflito e deram a sua vida pela Pátria” explicou o presidente da Câmara Municipal, Joaquim Couto.

A exposição, que fica patente no átrio dos Paços do Concelho até dia 11 de novembro (data dos armistício), é constituída por seis grandes painéis que documentam a participação de Portugal no conflito e o enfoque dado à participação dos militares tirsenses, sendo complementada com documentos e objetos dos próprios militares ou cedidos por instituições museológicas, com o propósito de dar a conhecer a natureza desta disputa mundial.

Para além desta exposição decorrem ainda várias atividades paralelas direcionadas ao público escolar e a toda a comunidade. No dia 4 de outubro tem início um ciclo de cinema com a exibição do filme “Soldado Milhões”, no Salão Paroquial de Santo Tirso, e que contará com a presença do realizador Gonçalo Galvão Teles.

Na Biblioteca Municipal haverá sessões de leitura nos dias 13 e 27 de outubro e 10 de novembro, nas quais a Câmara de Santo Tirso traz à discussão obras literárias que ajudarão a compreender este conflito.

Em novembro, e de forma a assinalar o armistício, Santo Tirso será palco para um concerto comemorativo do fim da Grande Guerra com a Banda do Exército do Porto, sendo o momento aproveitado, também, para a apresentação de catálogo alusivo à exposição, com especial destaque para a participação dos militares de Santo Tirso no conflito.

PUB.