Geral
Inaugurada primeira ligação ciclável do plano de mobilidade municipal

 

AUTARQUIA INVESTE 1,7 MILHÕES DE EUROS NA REQUALIFICAÇÃO DA PRINCIPAL ENTRADA DA CIDADE

A Câmara de Santo Tirso inaugurou, esta terça-feira, a ligação ciclável entre a Praça Camilo Castelo Branco e o Juncal. São os primeiros dois quilómetros de um Plano de Mobilidade que pretende, até 2023, dotar o concelho de 20 quilómetros de ciclovia.

“Esta obra que agora inauguramos é duplamente importante, uma vez que é a primeira ligação ciclável concluída no âmbito do Plano Municipal de Mobilidade e que coincide com a requalificação da principal entrada da cidade”, explica o presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Joaquim Couto.

A construção da ligação ciclável entre a Praça Camilo Castelo Branco e o Juncal, numa extensão de cerca de dois quilómetros, resulta de um investimento de cerca de 800 mil euros, e vem ao encontro do objetivo da autarquia de “reorganizar o centro da cidade em prol dos peões e das bicicletas, promovendo a mobilidade sustentável e privilegiando o que não é poluente”, acrescenta.

Joaquim Couto adianta que os próximos troços de ciclovia a avançar serão “o da Via Panorâmica, e a ligação entre a Alameda da Ponte, junto ao Mosteiro de S.Bento, e a escola Tomaz Pelayo”.

Para além da construção de 20 quilómetros de ciclovia, até 2023, num investimento global de dois milhões de euros, o Plano de Mobilidade Municipal tem como objetivo reestruturar os principais espaços públicos da malha urbana em prol dos peões. Neste sentido, a intervenção realizada não se limitou à construção da ligação ciclável, a Câmara de Santo Tirso requalificou toda a rede viária da principal entrada da cidade, da Praça Camilo Castelo Branco ao Juncal, num investimento global de cerca de 1,7 milhões de euros.

De acordo com o Plano de Mobilidade, é ainda prioritária a aposta num serviço intermunicipal de transportes públicos e a reorganização do estacionamento.

PUB.

Comentários