Atualidade
Identificados por roubo e burla em Santo Tirso


No dia 25 de janeiro o Núcleo de Investigação Criminal de Barcelos identificou duas mulheres e um homem, com idades compreendidas entre os 46 e os 52 anos, pelo crime de roubo e burla, no concelho de Santo Tirso.

As mulheres suspeitas tinham como modus operandi abordar as vítimas, na via pública, no sentido de lhes ler a sina, prometendo curar doenças, problemas físicos ou psicológicos, seus ou de familiares. Em troca, as suspeitas pediam avultadas quantias em dinheiro, que poderiam ser pagas em tranches.

Numa das situações, a vítima, acompanhada pelas duas mulheres suspeitas, na promessa da sua filha ser curada de uma doença grave, foi a casa para fazer um pagamento, tendo sido ameaçada com uma faca e obrigada a entregar cerca de 17 mil euros em dinheiro.

A investigação levada a cabo pela GNR culminou na realização de uma busca domiciliária e outra a um veículo, tendo sido apreendido uma caçadeira; 22 munições; vários objetos em ouro: 14 anéis, três pares de brincos, uma aliança e um pendente e cerca de 1 745 euros em numerário.

As mulheres e o homem foram constituídos arguidos e sujeitos à medida de coação de termo de identidade e residência, sendo ainda suspeitos de terem efetuado vários crimes nos distritos de Braga e Porto.

As buscas contaram com a colaboração da Polícia de Segurança Pública.